Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Diário de Leituras

"O regresso à cultura. Sim, autenticamente à cultura. Não se pode consumir muito se se fica tranquilamente sentado a ler livros."

"O regresso à cultura. Sim, autenticamente à cultura. Não se pode consumir muito se se fica tranquilamente sentado a ler livros."

Diário de Leituras

20
Mar18

A vida secreta das abelhas - Sue Monk Kidd

Todas as coisas pequenas têm necessidade de amor. 

 

Lily é uma jovem de 14 anos, que vive com um pai abusivo - T.Ray - com a memória de ter matado a mãe acidentalmente, quando tinha apenas 4 anos de idade. 

Na Carolina do Sul, em 1964, a sua vida cruza-se com as lutas pelos direitos civis dos negros, através das experiências que vai partilhando com a sua criada - Rosaleen. Quando esta é espancada e presa, decidem fugir. Lily lidera a fuga e decide o objectivo: encontrar quem lhe possa dar informações sobre a mãe, de quem tem uma figura de uma Maria negra e o nome de um local - Tiburon.

 

Logo nas primeiras páginas senti-me voltar a To kill a mokingbird, de Harper Lee: narradora jovem e bem humorada, órfã de mãe, racismo e lutas pelos direitos civis dos negros.

Mas enquanto Scout tinha um pai amoroso e dedicado, Lily vive com um pai abusivo e negligente.

 

Nesta história com personagens femininas fortes, independentes e generosas, sou lembrada que a família é quem nos ama e nos protege, especialmente nos momentos mais difíceis da nossa vida.

7 comentários

Comentar post