Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Diário de Leituras

"O regresso à cultura. Sim, autenticamente à cultura. Não se pode consumir muito se se fica tranquilamente sentado a ler livros."

"O regresso à cultura. Sim, autenticamente à cultura. Não se pode consumir muito se se fica tranquilamente sentado a ler livros."

Diário de Leituras

27
Jun18

Legados literários

Nos EUA, a American Library Association decidiu retirar o nome "Laura Ingalls Wilder" do título de um prémio literário destinado a livros infanto-juvenis. [notícia aqui]

Ora, a autora de Uma casa na pradariareferia-se aos índios e negros americanos de forma bastante depreciativa e estereotipada, não representando o mundo que actualmente desejamos e que inclui essas duas minorias. 

 

Continuo a ser da opinião que, mesmo que cheguemos à conclusão, que estamos perante autores cujas visões do mundo são reflexo do seu tempo, isso não significa que não possamos ser críticas/os quanto ao seu legado. 

 

O mundo é o que fazemos dele, pelo que não consigo justificar a manutenção um prémio literário infanto-juvenil com o nome de alguém que não reflecte os nossos valores actuais.

Se teimarmos pela tradição, mesmo com atropelo dos sentimentos das comunidades negras e índias, o que isso diz de nós?

Capturar (159).JPG

rawpixel