Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Diário de Leituras

"O regresso à cultura. Sim, autenticamente à cultura. Não se pode consumir muito se se fica tranquilamente sentado a ler livros."

"O regresso à cultura. Sim, autenticamente à cultura. Não se pode consumir muito se se fica tranquilamente sentado a ler livros."

Diário de Leituras

21
Abr18

O canto de Aquiles - Madeline Miller

17331219

É estranho descobrir que O Canto de Aquiles já havia vencido o Prémio Orange em 2012, pois só me recordo de ouvir falar dele há bem pouco tempo.

 Mas desde então, ficou no radar como algo que desejava muito ler. 

 

O canto de Aquiles reconta um dos mais conhecidos episódios da Ilíada - a guerra de Tróia - focando numa das suas mais reconhecidas personagens - Aquiles, o semi-deus, o "melhor dos gregos", seduzido por profecias de glória eterna. 

 

Mas a verdadeira história de O Canto de Aquiles, e que Madeline Miller conta primorosamente, é do amor de dois homens, unidos desde crianças pela morte e separados por ela, já em adultos. É também sobre como ambos crescem e de como esse amor floresce, pese embora o fatídico desfecho que se adivinha.

 

O Canto de Aquiles é simultaneamente o canto de uma promessa de glória que conduz Aquiles em cada uma das suas decisões e o (en)canto desse Aquiles que enfeitiça Pátroclo. Mas é também sobre dilemas morais e sobre o que é ser humano.

 

É um livro magnífico, extraordinariamente escrito e que reforça a minha vontade de ler Circe, o novo romance de Madeline Miller.