Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Diário de Leituras

"O regresso à cultura. Sim, autenticamente à cultura. Não se pode consumir muito se se fica tranquilamente sentado a ler livros."

"O regresso à cultura. Sim, autenticamente à cultura. Não se pode consumir muito se se fica tranquilamente sentado a ler livros."

Diário de Leituras

05
Mai18

Ouvi dizer que preciso de ler Georges Simenon

Diferente de muitos autores de hoje, que tentam construir uma intriga o mais complexa possível, como um jogo de ecos, Simenon propunha uma intriga simples mas com personagens fortes, um herói humano, obrigado a ir ao fundo de sua lógica.

A mensagem de Simenon é complexa e ambígua: nem culpados nem inocentes, mas culpas que se engendram e se destroem em uma cadeia sem fim.

Os romances colocam o leitor em um mundo rico de formas, cores, sentimentos, sensações, onde se entra desde a primeira frase. Seus melhores romances são baseados nas intrigas nas pequenas vilas de província, evoluindo a sombra de personagens de aparência respeitável mas que urdem empresas tenebrosas, numa atmosfera própria.

 

Fonte: Wikipédia

 

Ouvi também que basta seguir a sua personagem máxima: inspector Maigret

Para ler, 75 obras, aqui listadas cronologicamente. Trabalhou muito, este Simenon.