Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Diário de Leituras

"O regresso à cultura. Sim, autenticamente à cultura. Não se pode consumir muito se se fica tranquilamente sentado a ler livros."

"O regresso à cultura. Sim, autenticamente à cultura. Não se pode consumir muito se se fica tranquilamente sentado a ler livros."

Diário de Leituras

29
Mai18

Robots

Há uma história do Bruce Sterling, "Maneki Neko", publicada pela primeira vez em 1998, e nela há uma inteligência artificial benevolente que controla redes de indivíduos para que estes façam favores uns aos outros. Então, um dia, podias estar a comprar uma rosca e o teu telemóvel podia tocar e mandar-te comprar uma segunda rosca para dares à pessoa de fato cinzento que ias ver na paragem de autocarro. No dia seguinte podias estar a andar à nora numa cidade estranha e uma pessoa que nunca viste podia aproximar-se de ti e dar-te um mapa e um passe de metro. Eu gosto dessa história porque todas as pessoas nela fazem o que a IA lhes manda fazer. 

Acho que a esse tipo de histórias se costuma chamar ficção compensatória. 

 

Fotos de gatinhos, por favor

Naomi Kritzer