Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Diário de Leituras

"O regresso à cultura. Sim, autenticamente à cultura. Não se pode consumir muito se se fica tranquilamente sentado a ler livros."

"O regresso à cultura. Sim, autenticamente à cultura. Não se pode consumir muito se se fica tranquilamente sentado a ler livros."

Diário de Leituras

18
Mai18

Sex Object - Jessica Valenti

Scribd é um serviço a que volto, quando mo oferecem. Recentemente, recebi um email a oferecer-me mais um mês gratuito. A pagar, são cerca de 9 dólares mensais.

 

Capturar (70).JPG

Eu gosto imenso de ouvir determinadas categorias de audiolivros, em especial memórias lidas pelas/os próprias/os. Por isso, a minha primeira escolha passou por um livro de memórias de Jessica Valenti, de apenas 4 horas e que não consegui apanhar por cá.

 

Neste, a feminista e activista fala das suas experiências enquanto mulher, no espaço público. Naturalmente, as suas experiências incluem diversas formas e intensidades de agressão sexual, que são experiências comuns a todas as mulheres que conheço.

 

 

Ainda assim, chocou-me ouvir a sucessão de episódios de uma vida, concentrados em 4 horas e reconhecer que também eu (nós) poderia fazer uma lista repleta de episódios.

E literalmente parei, atingida pela conclusão da autora, que as agressões diminuíram à medida que ia crescendo. Paro. Faço uma revisão mental das minhas e sei que é verdade. A generalidade dos agressores sexuais é cobarde e procura quem consegue dominar. Tenho sobrinhas que não tenho como proteger, de se tornarem objectos sexuais, pelo simples acto de usarem espaços públicos (e por vezes, nem nos espaços que deveriam ser de protecção). Paro, atingida por todas as realidades e não percebo porque me choca tanto ouvir aquilo que já conhecia.

 

Mas é também um livro de memórias sobre expectativas parentais, adolescência, crescimento sexual, processos destrutivos, pressões sociais, feminismo(s) e viver com o terrorismo psicológico e as ameaças (inclusive à sua filha), que acompanham o seu activismo. 

 

Uma experiência magnífica.

03
Ago17

Demasiado cansada para segurar livros na praia?

ben-white-138093 

Photo by Ben White on Unsplash

 

Nunca consegui ler na praia. Ou melhor, ler com sol. O reflexo da luz nas páginas, rapidamente se torna desconfortável para os meus olhitos esquisitos . 

 

Mas é o local ideal para ouvir um livro ;) 

 

Não é o único do LibriVox em português, mas é um que pretendo ouvir este verão. Nada mais, nada menos que o Amor de Perdição de Camilo Castelo Branco, pela voz de muito competente da leitora Sandra Luna.

 

Foi no LibriVox que descobri que o mesmo autor escreveu algo chamado Noites de insomnia, offerecidas a quem não póde dormir e francamente não sei o que pensar.

É uma espécie de crónicas com temas como "ostras", "Problema Historico a Premio" (no volume 1) e "Solução do Problema Histórico (!)" ( no volume 2). Eu não sei quanto a vós, mas eu fiquei com imensa curiosidade em saber qual o problema e como ele o resolveu. Deve ter dormido uma boa noite.

08
Mar17

O Som dos Livros

O Som dos Livros: uma história diferente todas as semanas

 

Intitulado “O Som dos Livros”, este novo projeto da Rede de Bibliotecas de Tondela, em parceria com a nossa Rádio, promove semanalmente a leitura e procura incrementar o gosto pelos livros.

Através das ondas da Rádio, as histórias vão para o ar todas as quartas-feiras, pouco depois das 9 horas da manhã, com repetição aos sábados, entre as 12 e as 13 horas. 

 

Via Blogue da Rede de Bibliotecas Escolares