Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Diário de Leituras

"O regresso à cultura. Sim, autenticamente à cultura. Não se pode consumir muito se se fica tranquilamente sentado a ler livros."

"O regresso à cultura. Sim, autenticamente à cultura. Não se pode consumir muito se se fica tranquilamente sentado a ler livros."

Diário de Leituras

21
Ago18

Contos Exemplares de Sophia de Mello Breyner #7

Os Três Reis Do Oriente

 

Em Os Três Reis do Oriente, não por acaso o último conto da antologia, deparamos com três personagens - Gaspar, Melchior e Baltasar - a quem os pontos de vista convencionais não satisfazem. O primeiro não aceita como deus um ídolo de ouro «compacto, duro, pesado» que renega os pobres, os envergonhados e os humildes. O segundo recusa o niilismo dos sofismas, aporias e ateísmos da ciência e da filosofia. O terceiro problematiza os valores na base da sua riqueza e do seu poder.  

(https://www.infopedia.pt/$contos-exemplares)


A leitura partilhada de Contos Exemplares de Sophia de Mello Breyner, está a ser feita no Clube dos Clássicos Vivos, entre Julho e Agosto.

14
Ago18

Contos Exemplares de Sophia de Mello Breyner #6

O Homem

Foi então que vi o homem. Imediatamente arei. Era um homem extraordinariamente belo, que deveria ter trinta anos e em cujo rosto estavam inscritos a miséria, o abandono, a solidão.

 

Teria ela visto a sua dor, se ele não fosse extraordinariamente belo? Não viramos a cara, todos os dias, à dor de quem mendiga pelas ruas?

 

 

A leitura partilhada de Contos Exemplares de Sophia de Mello Breyner, está a ser feita no Clube dos Clássicos Vivos, entre Julho e Agosto.

31
Jul18

Contos Exemplares de Sophia de Mello Breyner #5

Praia

Este foi dos contos exemplares que menos gostei. Numa espécie de clube de Verão, várias personalidades se cruzam, não sei se presos ao passado ou ao presente.

 

Homero  

 

Homero foi um poeta épico da Grécia Antiga, ao qual tradicionalmente se atribui a autoria dos poemas épicos Ilíada e Odisseia (Wikipédia). Porém, questiona-se que sequer este tenha existido, podendo tratar-se apenas de um nome fictício, no âmbito da tradição oral de transmissão de poemas.

 

 

O conto Homero, é na verdade sobre Búzio, um velho louco e vagabundo, em que tudo nele lembrava coisas marítimas. Por onde passava, a tocar as suas castanholas de conchas, as portas se abriam com uma moeda ou um pedaço de pão, acompanhados da mesma frase: Vai-te embora, Búzio.

 

Búzio não possuía nada, como uma árvore não possui nada. Vivia com a terra toda, que era ele próprio.

 

A leitura partilhada de Contos Exemplares de Sophia de Mello Breyner, está a ser feita no Clube dos Clássicos Vivos, entre Julho e Agosto.

24
Jul18

Contos Exemplares de Sophia de Mello Breyner #4

Retrato de Mónica

 

Podem ler e ouvir o conto aqui. Foi um dos meus contos preferidos. E quem é Mónica?

 

“Mónica é uma pessoa tão extraordinária que consegue simultaneamente: ser boa mãe de família, ser chiquíssima, ser dirigente da «Liga Internacional das Mulheres Inúteis», ajudar o marido nos negócios, fazer ginástica todas as manhãs, ser pontual, ter imensos amigos, dar muitos jantares, ir a muitos jantares, não fumar, não envelhecer, gostar de toda a gente, gostar dela, dizer bem de toda a gente, toda a gente dizer bem dela, coleccionar colheres do séc. XVII, jogar golfe, deitar-se tarde, levantar-se cedo, comer iogurte, fazer ioga, gostar de pintura abstracta, ser sócia de todas as sociedades musicais, estar sempre divertida, ser um belo exemplo de virtudes, ter muito sucesso e ser muito séria.

Tenho conhecido na vida muitas pessoas parecidas com a Mónica. Mas são só a sua caricatura. Esquecem-se sempre ou do ioga ou da pintura abstracta.

Por trás de tudo isto há um trabalho severo e sem tréguas e uma disciplina rigorosa e constante. Pode-se dizer que Mónica trabalha de sol a sol.

De facto, para conquistar todo o sucesso e todos os gloriosos bens que possui, Mónica teve que renunciar a três coisas: à poesia, ao amor e à santidade.”

 

 A leitura partilhada de Contos Exemplares de Sophia de Mello Breyner, está a ser feita no Clube dos Clássicos Vivos, entre Julho e Agosto.

17
Jul18

Contos Exemplares de Sophia de Mello Breyner #3

 

 

A viagem

Este, pareceu-me um dos contos mais abstractos.

Um casal vai a caminho da sua nova casa no campo e perde-se. Mas não se perdem porque não saber a direcção, mas porque tudo em sua volta, começa a desaparecer. Estão sempre à procura: da estrada, de alguém que os ajude, de referências. Vão seguindo, em busca do que estará à frente. Raramente apreciam o local onde estão e o que tem para lhes oferecer. Adiam os prazeres e eles também desaparecem. 

É a vida.

 

E dentro do carro que os levava, a mulher disse ao homem:

-  É o meio da vida.

 

Através dos vidros, as coisas fugiam para trás. As casas as pontes, as serras, as aldeias, as árvores e os rios fugiam e pareciam devorados sucessivamente. Era como se a própria estrada os engolisse.

 

A leitura partilhada de Contos Exemplares de Sophia de Mello Breyner, está a ser feita no Clube dos Clássicos Vivos, entre Julho e Agosto.