Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Diário de Leituras

"O regresso à cultura. Sim, autenticamente à cultura. Não se pode consumir muito se se fica tranquilamente sentado a ler livros."

"O regresso à cultura. Sim, autenticamente à cultura. Não se pode consumir muito se se fica tranquilamente sentado a ler livros."

Diário de Leituras

25
Jun18

Há 115 anos, nascia George Orwell

E as/os leitores do mundo celebram o nascimento de Eric Arthur Blair.

 

 

 

17.JPG

01
Jun18

Dia da Criança: oferecer livros

Ia eu a caminho da biblioteca (mero passeio, juro!), quando percebo que chegaram livros novos à loja solidária. O truque é ir passando, até ter sorte. Ou seja, a sorte depende de esforço, como é habitual.

 

Pelas minhas contas, novos, ficariam por €60. Custo real: €5 + zero impacto ambiental.

 

Deixei lá tantos, que até doeu. Porém, não os deixei como chegaram, já que arrumei e organizei todas as estantes. Ficaram tãaao bonitas!

IMG_20180601_141350_784-COLLAGE.jpg

31
Mai18

Olá Junho literário!

Cá por casa

 

Decidi associar-me ao #readingwomenmonth e priveligiar a leitura de mulheres, durante o mês de Junho. 

O primeiro livro deste mês, será O racismo em português, da jornalista Joana Gorjão Henriques (O Público), que há muito desejava ler.

Abrirei uma excepção para continuar a leitura de Os Miseráveis, de Victor Hugo

Não sei que outros livros lerei, mas sei que as estantes estão a abarrotar e preciso mesmo de dar prioridade aos livros não lidos cá de casa. Qualquer dia amotinam-se!

 

Outras leituras:

1. 

Researchers from the University of Arizona and Towson University have found that the psychological experience of owning an e-book is significantly different from that of owning a print book. [Forbes]

Eu também prefiro os livros em papel.

2.

Tome nota: estes são os lançamentos de junho [Observador]

 

 

Livros no meu radar:

51rrTeWIRwL._SX323_BO1,204,203,200_ (1).jpg

Um livro de memórias de David Attenborough? Yes, please!

Aposto que seria fantástico em audiobook. 

 

Nascimentos:

(1) Colleen McCullough, (2)  Marquês de Sade,  Barbara Pym, (4) Paulina Chiziane, (6)  Thomas Mann, (8)  Marguerite Yourcenar, (9) José Gomes Ferreira, (12)  Anne Frank, (16)  Giovanni BoccaccioJoyce Carol Oates, (18) Lídia Jorge, (19)  Chico BuarqueSalman Rushdie, (21)  Machado de Assis, (22)  Erich Maria RemarqueDan Brown, (25)  George Orwell,  Miguel Sousa Tavares, (26)  Pearl S. BuckMaria Velho da Costa, (27)  Helen Keller,  Guimarães Rosa, (29)  Antoine de Saint-Exupéry 

 

Pechinchas do mês:

Em vez de O Músico Cego, Vladimir Korolenko, decidi comprar dois livros da autora Barbara Pym. O Quarteto no Outono foi um dos nomeados para o Booker Prize.

Capturar (112).JPG

04
Mai18

Celebrar o Dia Mundial da/o Bombeira/o

Hoje assinala-se o Dia Internacional da/o Bombeira/o, pelo que sugiro 4 actividades para assinalar este dia:

 

1. Inscreverem-se como sócios/as da vossa associação de bombeiros voluntários local. 

 

2. Numa qualquer rede social (ou várias), deixar uma mensagem de apreço e agradecimento, aos nossos bombeiros e bombeiras.

 

3.  Ler Fahrenheit 451, de Ray Bradbury, o melhor livro alguma vez escrito sobre incendiar coisas.

 

4. Ler um romance tórrido cuja personagem principal seja uma bombeira. E sim, há uma lista.

23
Abr18

Dia Mundial dos Livros e dos Direitos de Autor