Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Diário de Leituras

"O regresso à cultura. Sim, autenticamente à cultura. Não se pode consumir muito se se fica tranquilamente sentado a ler livros."

"O regresso à cultura. Sim, autenticamente à cultura. Não se pode consumir muito se se fica tranquilamente sentado a ler livros."

Diário de Leituras

18
Jul18

Curtas literárias 18.07.2018

1.

Lidos e a ler

1 (242).JPG

Finalmente consegui comprar um exemplar usado do Harry Potter e a Criança Amaldiçoada, para oferecer a uma das minhas sobrinhas.

Naturalmente, li-o de imediato. Não tem a magia a que a saga nos habituou, mas ainda assim é uma leitura que não poderia deixar de fazer. Foi delicioso. Agora estou mortinha por entregar o livro à minha sobrinha.

 

Capturar (203).JPG2 (130).JPG

Em casa, estou a ler o Armas, Germes e Aço; na rua o Ficções. É que o primeiro tem 663 páginas e não é muito portátil.

Porém, como livro de rua, o Ficções não é muito bom. Implica uma concentração que eu não consigo ter com o ruído à minha volta. Na rua, claramente necessito de um livro de digestão mais simples.

 

2.

Notícias

Os Maias deixam de ser de leitura obrigatória no secundário [Público]. O único que gostei.

 

3.

Prémios Literários 

 

Lembram-se do prémio que não é Nobel? Afinal também há um que não é Booker. 

Not the Booker prize 2018: nominate your favourite book of the year [The Guardian Books]

 

 

E por falar em prémios, o livro vencedor do Prémio Shirley Jackson é The Hole de Hye-young Pyun, uma autora da Coreia do Sul. 

Prémio Shirley Jackson pretende destacar literatura do suspense psicológico, do horror e da  fantasia sombria. 

1 (243).JPG

The lottery - Shirley Jackson - Adoro!

Hye-young Pyun on the Role of Suspense in Storytelling (para ler sobre a vencedora e a obra)

 

4.

Entrevistas

Anuradha Roy: ‘Inequality in India has never been more catastrophic' [The Guardian Books]

Janne Teller: “E se Portugal estivesse em guerra. Para onde ias tu?” [Público]

Capturar (208).JPG

Janne Teller faz uma experiência provocadora: vira do avesso a atual crise de migrantes e faz de nós os refugiados. Faz-nos ver como se sente alguém que é obrigado a fugir do seu país, a ser exilado e a lutar pela sobrevivência num país estrangeiro. 
Neste conto, a Europa desintegrou-se devido à guerra e o único ponto do globo que está em paz e é acessível é o Médio Oriente. Seguimos a fuga de uma família comum e vemos a sua vida de refugiados através do seu filho de 14 anos.

 

5.

Crónicas

Pseudónimos literários, Jacinto Rêgo de Almeida [Jornal de Letras

 

6.

Compras

Capturar (209).JPG

Foi o que me pediram, porque o que gostei mesmo foi o Rosa Meira, engenheira. Isto, sem querer desdenhar do anterior, que não li. 

Mas aquele título e aquela capa... a sério...

Capturar (210).JPG

O pormenor do lenço é G-E-N-I-A-L.

wecandoit-e1442091339663.jpg

12
Jul18

Os candidatos ao Prémio Não-é-Nobel-da-Literatura

Os bibliotecários suecos já escolheram os seus candidatos ao Prémio Não-é-Nobel-da-Literatura. Aos comuns mortais, resta a página onde votar.

 

Ian McEwan Reino Unido - Jeanette Winterson Reino Unido - Jamaica Kincaid EUA - Édouard Louis França - Jessica Schiefauer Suécia - Marilynne Robinson EUA - Cormac McCarthy EUA - Siri Hustvedt EUA - Amos Oz Israel - Inger Edelfeldt Suécia - Anne Carson Canadá  - Ngugi wa Thiongo Quénia - Agneta Pleijel Suécia - Haruki Murakami Japão - Johannes Anyuru Suécia - J.K. Rowling Reino Unido - Jón Kalman Stefánsson Islândia - Meg Rosoff EUA - Thomas Pynchon EUA - Arundhati Roy India - Joyce Carol Oates EUA - Don DeLillo EUA - Olga Tokarczuk Polónia - Zadie Smith Reino Unido - Jonas Hassen Khemiri Suécia - Kerstin Ekman Suécia - Peter Stamm Suíça - Silvia Avallone Italy - Elena Ferrante Italy - Nnedi Okorafor EUA - Nina Bouraoui França - Jenny Jägerfeld Suécia - Donna Tartt EUA - Sara Lövestam Suécia - David Levithan EUA - Chimamanda Ngozi Adichie Nigéria - Maryse Condé Guadalupe - Sofi Oksanen Filândia - Sara Stridsberg Suécia - Sara Paborn Suécia - Kim Thúy Canadá - Jens Ganman Suécia  Margaret Atwood Canadá - Neil Gaiman Reino Unido - Paul Auster EUA - Patti Smith EUA - Ulf Lundell Suécia

06
Jun18

Curtas literárias e o Womens Prize for Fiction 2018

1. A ler:

 

2. Prémios literários:

 

E o Womens Prize for Fiction de 2018 foi para... Kamila Shamsie,  Home Fire.

Capturar (123).JPG

Sabiam que a estatueta que representa o prémio se chama Bessie?

34394526_1819395411439959_3947430216128790528_n.jpg

3. Listas:

100 (Fiction) Books to Read in a Lifetime [AbeBooks]

Capturar (119).JPG

E já que é dia de Womens Prize for Fiction, existe um guia de leitura para ler 20 anos do prémio e francamente eu estou muito tentada a segui-lo.

Oprah Book Club

Uma das faces do racismo, foram os condenados negros, que conseguiram provar a sua inocência, muitos depois de passarem uma vida na prisão, inclusivé nos corredores da morte, como é o caso de Anthony Ray Hinton. 

A mais recente escolha de Oprah, para o seu clube de leitura é precisamente o livro de memórias de Hinton, que passou 30 anos da sua vida num corredor da morte no estado do Alamaba, por dois homicídios que não cometeu: The Sun Does Shine: How I Found Life and Freedom on Death Row.  

 

4. Crónicas

Não consinto que mais nada meu seja publicado, rascunhos, planos, esboços, falsas partidas, seja o que for. Proíbo que desrespeitem a minha vontade. Proíbo que me traiam. Nem uma palavra mais.  

António Lobo Antunes

05
Jun18

30th Annual Lambda Literary Award

Capturar (120).JPG

Lambda Literary Award visa premiar a literatura LGBTQ e é uma excelente fonte de informação para descobrir títulos que me permitam ler de forma mais diversa, um dos meus objectivos.

 

Os vencedores deste ano são:

 

Ficção:

Her Body and Other Parties, Carmen Maria Machado; The Gift, Barbara Browning; Hunger, Roxane Gay; Transcendent 2: The Year’s Best Transgender Speculative Fiction

 

Não-Ficção:  

How We Get Free: Black Feminism and the Combahee River Collective, Keeanga-Yamahtta Taylor; Black on Both Sides: A Racial History of Trans Identity, C. Riley Snorton

 

Poesia:

Rock | Salt | Stone, Rosamond S. King; While Standing in Line for Death, CA Conrad; recombinant, Ching-In Chen

 

Mistério

Huntress, A.E. Radley; Night Drop, Marshall Thornton

 

Biografia/Memórias

The Fact of a Body, Alexandria Marzano-Lesnevich; Lives of Great Men: Living and Loving as an African Gay Man, Chike Frankie Edozien  

 

Romance

Tailor-Made, Yolanda Wallace; Love and Other Hot BeveragesLaurie Loft

 

Erótica

His Seed, Steve Berman

 

Antologia

Cuéntamelo! Oral Histories by LGBT Latino Immigrants, Juliana Delgado Lopera

 

Infantil/Jovem Adulto

Like Water, Rebecca Podos

 

Teatro

The Gulf, Audrey Cefaly

 

Novelas gráficas

My Favorite Thing is Monsters, Emil Ferris

 

Terror

Autonomous, Annalee Newitz

 

Estudos

Punishing Disease: HIV and the Criminalization of Sickness, Trevor Hoppe